Formatação de Franquias: O que é e como fazer

Se você pensa em expandir seu negócio através do Franchising com certeza já se perguntou o que é e como fazer um processo de Formatação de Franquias, principalmente porque para iniciar este processo o empreendimento em questão deve passar por algumas análises e procedimentos para ingressar no Franchising. 

Estudo Financeiro e Análise de Franqueabilidade

Antes de criar manuais, peças jurídicas e estratégias de expansão, é de extrema importância que seja realizado um estudo profundo sobre a estrutura do negócio. 

É preciso realizar um levantamento de todos produtos e serviços oferecidos pela empresa, pois com isso será possível compreender todos os custos e gastos utilizados no empreendimento. 

Após efetuar o estudo financeiro é feita uma análise de franqueabilidade do negócio. Nesta etapa da Formatação de Franquias é possível fazer uma otimização de todas as informações recolhidas e adaptá-las ao modelo do Franchising. A partir disso é possível projetar os lucros e rentabilidade da futura franquia, além de definir as taxas de royalties, taxa de franquia e taxa de marketing/publicidade. 

Estratégias do Negócio

Nesta etapa é criada a nova estratégia para o negócio levando em consideração todos os dados levantados ao longo do processo de Formatação de Franquias.

Com uma nova perspectiva, as decisões e estratégias para a empresa franqueadora deverão ser planejadas pensando no seu modelo de expansão dentro do Franchising. É fundamental realizar estudos e definir o posicionamento da empresa no mercado, principalmente porque as unidades franqueadas serão um “meio de distribuição” da marca, envolvendo os seus produtos, serviços e valores. 

O planejamento destas estratégias irão assegurar a viabilidade de todo o processo de expansão.

Processos e Procedimentos

Organizar as informações, mapear os processos e sistematizar todos os procedimentos requer muito estudo e desenvolvimento sobre este nicho de negócio, principalmente por se tratar de um sistema onde ocorre a troca de Know-How entre o franqueado e a franqueadora.

Por isso no processo de Formatação de Franquias é crucial estabelecer normas, processos, manuais, políticas e padrões a serem executados pelos franqueados, no que se refere à implantação, operação e gestão das respectivas franquias, independente da localização da unidade. 

Cada franqueadora tem seus próprios manuais que geralmente são divididos em institucional, pré-operacional, RH, operacional, produtos/serviços, gestão financeira/administrativa, marketing… tudo de acordo com o perfil do negócio.

Peças Jurídicas

Além de se enquadrar na Nova Lei de Franquias n°13.966/19, é fundamental que as franqueadoras tenham suas peças jurídicas muito bem elaboradas, de forma que fique claro os direitos e deveres de ambas as partes.

Em um processo de Formatação de Franquias é primordial que as peças jurídicas transmitam a essência da marca e ao mesmo tempo esclareça as obrigações e os deveres das partes ao longo da relação contratual para o bom funcionamento da franquia. 

Para tornar a relação das partes mais transparentes a lei de franquias prevê uma série de documentos que devem ser apresentados para aquisição de uma franquia e que são habitualmente conhecidos no mundo do Franchising por: COF ( Circular de Oferta de Franquia), Pré-contrato de Franquia, Contrato de Franquia, Aditivos do Contrato, Contrato com Fornecedores, entre outros.

Estratégia de Expansão

Após a estruturação da franqueadora estar completa no processo de Formatação de Franquias, é feita uma estratégia de expansão/comercialização. Neste momento é importante definir quais os fatores de influência no sucesso da franquia. 

Definir o perfil do franqueado e quais serão os critérios de avaliação do ponto comercial também são parâmetros importantes para a expansão da marca no mercado. Essas avaliações são desenvolvidas através de questionários, entrevistas e reuniões para conhecer os possíveis franqueados e verificar se as informações obtidas são legítimas ou não. 

Identificar quais são os melhores meios para introduzir a marca formatada no mercado também é essencial para o crescimento da mesma no segmento do Franchising.

Fazer um planejamento dos eventos e feiras onde a marca poderá atuar também é uma forma de expandir a rede franqueadora. Além disso, é importante que a marca esteja preparada para fazer uma boa comunicação sobre a franquia no meio físico e online. 

Seja através das mídias sociais, canais especializados, e-mail marketing ou campanhas digitais, mas claro, tudo de acordo com os padrões da franquia.

Para que a expansão do negócio ocorra de forma segura é primordial que a Formatação de Franquias seja feita da forma mais profissional possível. Por isso existem consultores especializados no mundo do Franchising, assim como nós da CNXLINE.

Aqui na CNXLINE o nosso trabalho vai muito além de uma “simples” Formatação de Franquias. ⁣⁣

Nos preocupamos em entender as reais necessidades e a essência dos nossos clientes. Sempre criando ações personalizadas de acordo com a realidade de cada negócio, para assim inseri-lo no mercado que só em 2019 faturou mais de R$ 186 bilhões, segundo a ABF. ⁣

Quer saber mais sobre a Formatação de Franquias? Fale com a nossa equipe!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *