5 motivos que levam ao fracasso de um Novo Negócio

Abrir um novo negócio não é uma tarefa fácil, com as crises econômicas cada vez mais recorrentes, manter uma empresa aberta exige muito comprometimentoresponsabilidade planejamento

Fugir das estatísticas e não terminar entre as empresas que fecham as portas precocemente é um grande desafio entre os empreendedores brasileiros, pois só no Brasil 50% das empresas encerram suas atividades após quatro anos de abertura, segundo o Sebrae. 

Confira abaixo 5 motivos que podem levar ao fracasso de um novo negócio:

Plano de negócios mal estruturado

Com um plano de negócios mal estruturado o empreendedor não tem onde se apoiar. Fazer um planejamento dos investimentos, decisões a serem tomadas, objetivos e análise de mercado é a base de qualquer negócio.

Sem a estruturação correta o empreendedor não tem uma visão ampla do cenário atual onde o seu novo negócio está inserido e não consegue se preparar adequadamente para os possíveis cenários e necessidades.

Processos burocráticos e legais

Empresas de pequeno e médio porte sofrem diariamente com a alta burocracia, seja para a legalização ou para conseguir apoio e financiamento das instituições públicas e privadas. 

Em diversos casos os níveis de complexidades burocráticas e legais são a causa do fechamento de novos negócios. Com o excesso de procedimentos, ressalvas, autorizações, garantias, especificações e tantos outros obstáculos que poderiam ser resolvidos de forma mais simples e rápida, diversas empresas acabam perdendo o incentivo para crescer no mercado. 

“Dar um passo maior que a perna”

Ser otimista e acreditar no potencial do próprio negócio é fundamental para qualquer empreendimento, mas o excesso de confiança pode ser um fator negativo quando o empreendedor acredita ser possível ultrapassar os limites da sua empresa. 

Fazer investimentos impulsivos ou traçar metas impraticáveis servem apenas para atrasar o crescimento de novos negócios, resultando em uma frustração por parte do empreendedor que não soube ter um autodomínio considerando cenários mais condizentes com a real situação da empresa.

Má utilização dos recursos financeiros

Uma má gestão dos recursos financeiros pode significar o fracasso de um novo negócio. A má utilização deste capital acaba interferindo na forma com que o empreendedor avalia as finanças para a tomada de uma decisão importante, podendo ocasionar na perda de uma oportunidade. 

Confundir as finanças pessoais com as profissionais também é um fator muito agravante, principalmente entre os pequenos e médios negócios. À medida que esta situação piora, fica cada vez mais difícil para o empreendedor separar as contas e os recursos financeiros para as despesas pessoais e empresariais.  

Não reconhecer e aprender com os erros

Cometer erros faz parte de qualquer negócio, mas a maneira como o empreendedor reage diante este fato é o que faz toda a diferença. 

Não reconhecer um erro é altamente negativo, pois impede o crescimento e o amadurecimento do novo negócio. Conseguir identificar o que causou o empecilho é um fator extremamente positivo que consequentemente trará mais know-how experiência do negócio, mas para isto acontecer da maneira correta o empreendedor deverá analisar cuidadosamente o ocorrido para elaborar soluções realistas e construtivas. 

Ao identificar os motivos que levam ao fracasso de um novo negócio e como evitá-los, o empreendedor aumenta consideravelmente as suas chances de sucesso. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *